Amazon Web Services lança preview do IoT Analytics

Durante a conferência re:Invent deste ano, ocorrida no início do mês, a Amazon anunciou um preview do AWS IoT Analytics. A solução foi apresentada durante algumas sessões ao longo do evento.

O AWS IoT Analytics é a oferta mais recente de serviços totalmente gerenciados da AWS para operar análises avançadas em dados ingeridos a partir de dispositivos IoT; ou seja: os clientes poderão tirar proveito de benefícios típicos da computação em nuvem, como escalonamento automático e modelos de preços do tipo pay-as-you-go.


A solução usa o conceito de canais e um pipeline que carrega mensagens não processadas e permite que o processamento e as atividades sejam realizadas nelas. As mensagens são armazenadas em data stores e os conjuntos de dados são recuperados do storage para posterior análise, visualização e ação.

Agora vamos imaginar o seguinte cenário: você trabalha com o AWS IoT Analytics através de um console que permite criar os artefatos necessários como parte do processamento de mensagens IoT.

A primeira tarefa é criar um canal que atue como o ponto de ingestão de dados. O canal pode filtrar mensagens de tópicos do MQTT no AWS IoT Core ou encaminhar mensagens do Rules Engine, e suporta tanto dados binários como JSON.

Um pipeline pode então enriquecer, transformar ou filtrar mensagens. O enriquecimento pode usar fontes externas para adicionar informações, como adicionar atributos do registro do dispositivo AWS IoT, a transformação pode realizar cálculos simples, como a conversão de unidades, e a filtragem pode usar as funções da AWS Lambda, por exemplo, para estimar valores quando faltar dados.

Os dados brutos e processados e são armazenados dentro do serviço para permitir o processamento futuro e em um armazenamento de dados time-series para análise. Os data stores não são bases de dados, mas abstrações acima de várias tecnologias de banco de dados dentro da plataforma.

Uma vez que os dados são armazenados, eles podem ser analisados consultando os armazenamentos de dados e recuperando os data sets. O IoT Analytics suporta a execução de queries ad hoc do tipo SQL, análises de séries temporais, tais como verificar o desempenho de um dispositivo ao longo do tempo ou procurar tendências e análises estatísticas e de aprendizagem em máquina. Para realizar a aprendizagem de máquinas e análises estatísticas, a solução oferece suporte total a Jupyter notebooks. Existem vários modelos que podem ser escolhidos como ponto de partida para acelerar a entrega dos resultados dos dados armazenados, como os modelos de autoria da AWS para prever a falha do dispositivo ou os algoritmos de cluster K-means para a segmentação do dispositivo.

Após passar por análise, os dados podem ser visualizados usando o Amazon Quicksight ou através de Jupyter notebooks embarcados no console AWS IoT Analytics.

O preço para o serviço é baseado no sistema pay-as-you-go (pague o quanto usar), e existe uma camada gratuita para os clientes que é válida para os primeiros 12 meses.

O IoT Analytics da AWS está disponível hoje em prévia limitada nos EUA, para as regiões de Portland, Virgínia do Norte e Ohio. Interessou em testar a plataforma? Você pode se inscrever para o preview do produto através da página de preview de produtos.


Fonte: InfoQ

21