A menor implementação PaaS que você já viu.

A menor implementação PaaS que você já viu. Foi essa frase que me chamou a atenção quando eu passava alguns links rotineiros e e-mails “weekly” que recebo. E fiquei mais pasmo que tudo isso é feito só com 100 linhas de #!/bin/bash

Realmente, é a menor implementação que eu já vi. Algumas das informações abaixo foram retiradas do site oficial.

O que você não pode fazer com ele:

  • Multi-host. Não rola, mas se você pode se interessar pelo Deis.
  • Multitenancy. Sim, ele faz isso, mas olhe novamente para o Deis.
  • Client app. Devido a certas circunstâncias, executar comandos remotos via SSH é bom :)

A instalação é simples, e a Digital Ocean já prove uma imagem pronta para começar a usar. Testei com 4 tipos de aplicações, das mais comuns que lidamos no dia-a-dia como #DevOps que é: NodeJs, Ruby/Rails, Python e PHP, e obtive sucesso de deploy sem maiores problemas com essas aplicações. Utilizando apenas GIT + poucos comandos.

Vamos supor que já tenha seu Dokku rodando sem maiores problemas e já tenha o GIT instalado e configurado no seu computador:

Primeiro Passo

Execute um clone do WordPress em uma pasta do seu computador, no meu caso, em ~/projects/dokku-testes:

Após isso, veja o retorno do seu console e acesse seu wordpress, pronto para iniciar a instalação do mesmo: http://blog.seuhost.com.br

Para soluções como cache, banco de dados (relacional e não relacional), Queuing, process managers, nginx e outras coisas mais consulte os plugins já disponíveis.

  • http://www.malkafly.com.br/ Daniel Malkafly

    Que foda! Curti eim joão!
    😀 Curti o Blog da Rivendel, manda abraço pro Sérgio!

21